Espirro Reverso – Como identificar e o que fazer - Você Mais Seguro
17803
post-template-default,single,single-post,postid-17803,single-format-standard,ajax_fade,page_not_loaded,,qode_grid_1300,footer_responsive_adv,qode-content-sidebar-responsive,qode-theme-ver-9.5,wpb-js-composer js-comp-ver-4.12,vc_responsive
 

Espirro Reverso – Como identificar e o que fazer

Espirro Reverso – Como identificar e o que fazer

Espirro reverso pode ocorrer ocasionalmente ao longo da vida de todo cachorro; e não é algo para o dono temer. Em especial, cães braquicefálicos tem uma maior tendência a ter episódios de espirro reverso. É o caso dos bulldogs inglês e francês, Shih Tzu e Pug.

Cães braquicefálicos são aqueles que tem um focinho com aparência de “achatado”. Esse nome complexo – braquicefálico – vem do grego e é bastante intuitivo: “braqui” significa curto, e “cefálico” significa cabeça, portanto, cabeça curta!

Na verdade, os cães braquicefálicos foram criados de forma a terem um maxilar inferior proporcional ao seu corpo, mas o maxilar superior é menor; assim, eles ficam com essa aparência cara amassada, ou de focinho curto.

Agora que fizemos as apresentações vamos ao que interessa: por essa anatomia diferente, os cães de focinho curto precisam de alguns cuidados especiais. Toda a anatomia da cabeça é diferente, podendo desenvolver síndromes respiratórias, engasgos, espirros reversos, hipertermia, problemas oculares e infecções na pele, como a piodermite cutânea, por causa das dobrinhas no corpo – veja meu post sobre a piodermite e os cuidados com as dobras desses cães: http://vocemaisseguro.com/focinho-curto/

+ Veja Também:   Os 50 carros mais roubados em 2016

Mas nosso foco nesse post é um susto que não apenas os donos de cães de focinho curto podem passar, mas donos de outros cães de porte pequeno em geral também podem ter: o espirro reverso.

 

Como que eu identifico um espirro reverso?

Normalmente, o episódio dura alguns segundos, mas pode chegar a durar até 2 minutos. Os cachorros eles ficam parados, afastam as patas da frente, esticam o pescoço para cima, arregalam os olhos e fazem movimentos respiratórios rápidos; sempre acompanhados de roncos, e tosse. Esses episódios podem ocorrer diversas vezes ao longo da vida deles, e normalmente, eles voltam a respirar normalmente.

+ Veja Também:   Seguro de Celular e suas vantagens

 

O QUE FAZER NUM ESPISÓDIO DE ESPIRRO REVERSO

Uma coisa que todo dono deve ter em mente, é que seu cachorro sabe exatamente quando seu dono fica apreensivo, e isso pode gerar ainda mais estresse no cachorro; então, o primeiro passo é o dono tentar manter a calma quando percebe que seu cão está tendo um episódio de espirro reverso.

Em seguida, caso o episódio seja mais longo, o dono pode ou tampar com os dedos as narinas do seu cachorro, ou então massagear levemente a garganta dele, estimulando o movimento de deglutição; até mesmo assoprar delicadamente o nariz pode ajudar.

+ Veja Também:   Infecções na pele em cães de focinho curto e seus cuidados

Atenção!

É importante o dono observar a frequência e a severidade dos episódios de espirro reverso no seu cachorro. Ter episódios ocasionalmente é normal, mas se você observar que eles estão ficando frequentes e mais demorados, é melhor você ir ao médico veterinário para analisar com mais profundidade.

Mesmo sendo um dono de cachorro experiente, em diversas situações ficamos na dúvida de como proceder, em casos de dúvida, sempre pergunte a um médico veterinário; e se você tem um plano de saúde para seu cachorro da Porto Seguro você tem um canal direto com veterinários 24horas por telefone (PetPhone), que te ajuda em qualquer situação – seja emergencial ou apenas dúvidas corriqueiras!

Fonte:

http://tudosobrecachorros.com.br/espirro-reverso-em-caes/#ixzz4tuGqVBte
http://tudosobrecachorros.com.br/como-limpar-focinho-pug-bulldog/#ixzz4tofhayj2

http://tudosobrecachorros.com.br/caes-braquicefalicos-sem-focinho/#ixzz4toY0pWea

No Comments

Post A Comment

giay nam depgiay luoi namgiay nam cong sogiay cao got nugiay the thao nu