Infecções na pele em cães de focinho curto e seus cuidados - Você Mais Seguro
17795
post-template-default,single,single-post,postid-17795,single-format-standard,ajax_fade,page_not_loaded,,qode_grid_1300,footer_responsive_adv,qode-content-sidebar-responsive,qode-theme-ver-9.5,wpb-js-composer js-comp-ver-4.12,vc_responsive
 

Infecções na pele em cães de focinho curto e seus cuidados

Infecções na pele em cães de focinho curto e seus cuidados

Cães braquicefálicos são aqueles que tem um focinho curto com aparência de “amassado”, são as raças: bulldog (francês e inglês), Pug, Shar Pei, Boston terrier, pequinês, boxer, Shih Tzu, Cavalier King Charles Spaniel. Esse nome complexo – braquicefálico – vem do grego e é bastante intuitivo: “braqui” significa curto, e “cefálico” significa cabeça, portanto, cabeça curta!

Na verdade, os cães braquicefálicos foram criados de forma a terem um maxilar inferior proporcional ao seu corpo, mas o maxilar superior é menor; assim, eles ficam com essa aparência cara amassada, ou de focinho curto.

Agora que fizemos as apresentações vamos ao que interessa: por essa anatomia diferente, os cães de focinho curto precisam de alguns cuidados especiais. Toda a anatomia da cabeça é diferente, podendo desenvolver síndromes respiratórias, engasgos, espirros reversos, hipertermia, problemas oculares e infecções na pele, como a piodermite cutânea, por causa das dobrinhas no corpo. Neste post, vou focar neste último: nos cuidados necessários para evitar infecções nas peles deles. E de maneira específica, os donos de Pugs, Shar Pei e principalmente, Bulldogs pecisam ler com muita atenção e realizar o cuidado quase que diário nas dobrinhas dos cães braquicefálicos.

Pode parecer estranho à primeira vista, mas a limpeza das dobras desses cães é muito importante e precisa ser feita regularmente, para evitar que germes e bactérias se acumulem nessas regiões, e cabem causando infecções.

+ Veja Também:   Vistoria do Detran – Dicas para sair com o carro aprovado

Lembre-se que locais úmidos, com pouco contato com o sol e quentes são ideais para o desenvolvimento desses germes e bactérias; e germes e bactérias geram infecções. Então nessas dobrinhas, se não limparmos todos os dias ou pelo menos umas três vezes na semana, podem acabar gerando infecções como piodermite cutânea.

A piodermite cutânea normalmente aparece nos rabos – nas dobras próximas ao rabo desses cães. Mas ela também pode afetar as dobras faciais, e elas geram bastante desconforto para os cães; além de gerar mau cheiro.

DICA COMPORTAMENTO:

Nossos filhinhos de quatro pata ainda não falam, mas quando estão incomodados eles começam a agir de maneira diferente do habitual e logo sabemos que algo está os incomodando. Cães sofrendo com pele sensível e inflamada, como forma de tentar aliviar o desconforto, costumam começar a correr mais do o normal. Então fique atento a essa possível mudança de comportamento, e de uma examinada nas dobrinhas dele.

+ Veja Também:   Alimentação natural canina é a ideal?

Limpeza das dobras – produtos

Alguns produtos são necessários, não que você irá usar todos sempre, mas é bom ter eles a disposição caso haja necessidade: lenços umedecidos sem álcool, óleo de bebê, bolas de algodão, panos limpos, pomada de óxido de zinco – tem em cremes para assadura – pomada antibiótica – caso identifique inflamação na pele.

DICA Recomendação Veterinária Produto:

Um bom conselho é quem tem plano de saúde para cães e gatos da Porto Seguro tem direito – em todos os planos – ao PetPhone, que são veterinários 24horas por telefone, tirando todas essas dúvidas; quem tem um bulldog ou pug pode ligar para maiores indicações, e são veterinários que irão atender, então eles poderão indicar qual melhor procedimento a ser feito, e qual a pomada ideal para caso você perceba que a região está avermelhada; dessa forma, você garante que o cuidado do seu filho de quatro patas é o ideal, e que vai gerar melhor bem-estar a ele!

+ Veja Também:   O que revisar no carro antes de viajar?

Você já possui plano de saúde pet? Que oferece assistência médica veterinária e ambulatorial 24 horas, atendimento de urgência e emergência, exames laboratoriais, internações, procedimentos e até vacinas.

 

LIMPEZA DIÁRIA DE FOCINHO CURTO

De maneira prática, o dono pode limpar diariamente as dobras com um pano úmido e macio e depois secá-las suavemente. Mas caso o dono identifique alguma sujeira de alimentos ou detritos nas dobras, é recomendado a utilização de lenços umedecidos sem álcool; esfregue o lenço na ruga e depois de secar, use creme para assaduras. Mas se a área estiver vermelha ou irritada use um creme antibiótico ou algum prescrito pelo veterinário. Qualquer dúvida, pergunte ao seu veterinário! Não esqueça da minha dica sobre o plano de saúde para cães, e venha saber mais sobre ele!

As infecções de pele nas dobrinhas dos bulldogs e pugs podem ocorrer com frequência, e o cuidado diário é essencial para o bem-estar do seu melhor amigo!

 

Fonte:
http://tudosobrecachorros.com.br/como-limpar-focinho-pug-bulldog/#ixzz4tofhayj2

 http://tudosobrecachorros.com.br/caes-braquicefalicos-sem-focinho/#ixzz4toY0pWea

No Comments

Post A Comment

giay nam depgiay luoi namgiay nam cong sogiay cao got nugiay the thao nu